Anderson Costa Corretor de Imóveis e Perito Avaliador CRECI 11794-F Jaguaruna - SC

Conheça Jaguaruna/SC

Dados do Município

  • Municípios limítrofes: Içara, Sangão, Treze de Maio, Tubarão e Laguna.
  • Área: 329,37 km²
  • População: 18.425 hab. est. IBGE
  • Altitude: 12 m
  • Região Turística: Encantos do Sul
  • Gentílico: Jaguarunense
    Aeroportos: 1
Instagram Official: @jaguasc


  O primeiro habitante do Município de Jaguaruna foi o Coronel Luiz Francisco Pereira que em 1867, para lá se dirigiu com sua família, a fim de receber a concessão de sesmaria como o primeiro habitante da região, uma vez que as terras do Município de Palhoça, de onde procedia, eram pouco férteis. A fertilidade da terra continuou atrindo novos  moradores e chegaram, em seguida, Joaquim Marques, Francisco Rabelo e Manoel Marques.A exuberância das terras fez com que os moradores a deniminassem de Campo Bom.O nome da Cidade provém do Tupi-Guarani: "Yaguara - onça" e "Una - preta", daí o nome de Jaguaruna.Em 1880, Jaguaruna foi elevada à categoria de freguesia e em 1883, foi extinta para, um ano mais tarde, voltar novamente àquela categoria. porém, com parte do seu território desmembrado e integrado ao de Tubarão.Jaguaruna foi elevada a categoria de Município em 1930.


     O litoral norte do município, nos balneários Dunas do Sul e Nova Camboriú estão fixados os sete maiores sambaquis. No primeiro balneário estão Laranjal I II e III , Encantada e Garopaba do sul, que é considerado o maior do mundo em extensão. No balneário Nova Camboriú estão os sambaquis da Figueirinha I e II.


 Famoso e único chuveirão, lugar agradável com queda d'água que proporciona uma hidromassagem ao ar livre, representando os moinhos que eram comuns na região.Chuveirão, a usina que virou atração turística.Tido como um dos cartões postais do município, o chuveirão, localizado no Balneário Arroio Corrente em Jaguaruna, é sem dúvida, um dos pontos mais disputados por veranistas e turistas nessa época do ano.Abastecido com água da Lagoa do Arroio Corrente, com uma vazão de dois mil litros por segundo, no transcurso de seu desaguadouro para o mar, o local já abrigou um moinho construído na década de 50 para fornecer energia elétrica.Em 2010, a Prefeitura Municipal de Jaguaruna revitalizou o chuveirão,através de um convênio com o Governo Federal, Ministério de Turismo e com apoio da Tractebel. O projeto visa melhorias de estética, higiene, conforto e segurança aos banhistas, a transformação da casinha do chuveirão num ponto de informação, a colocação de guarda-corpo, colocação de mais lixeiras, reformas nos vestiários, revestimentos de azulejos em alguns pontos, melhoria na iluminação e reflorestamento.



 A Laje da Jagua é um local onde ocorrem enormes ondas, freqüentado por amadores e profissionais que praticam a tow-in, uma modalidade de surfe em que o praticante é rebocado por um jet boat ou jet ski.O local que possui uma das dez maiores ondas do mundo foi descoberto como opção para o esporte em 2003, pelos surfistas brasileiros Zeca Scheffer e Rodrigo Resende. Já em 2007, a Laje da Jagua recebeu o 1º Mormaii Tow in Pro, primeira competição de tow in do Brasil. Os vencedores foram os surfistas brasileiros Carlos Burle e Eraldo Gueiros, que atuaram em dupla.Atualmente, é o destino favorito de surfistas de grandes ondas (big riders) do Brasil e de outras partes do mundo. A Associação de Tow In de Jaguaruna - Atow Inj - é responsável pelo monitoramento do local.

O PORQUÊ DA FORMAÇÃO DAS ONDAS: A Laje da Jagua, também conhecida como Parcel do Campo Bom, ou ainda a Pedra do Campo Bom, é uma importante formação rochosa submarina situada no litoral de Jaguaruna 5,3 km quilômetros da costa, em frente à Praia do Arroio Corrente e a 5 quilômetros do Balneário Nova Camboriú. Tem cerca de 2 quilômetros de extensão.


 O Aeroporto Regional Sul Humberto Ghizzo Bortoluzzi, também denominado Aeroporto Regional Sul de Santa Catarina, ou simplesmente Aeroporto de Jaguaruna é um aeroporto brasileiro que abrange os municípios da região sul catarinense. 

Com pista de 2.500 m de comprimento por 30 m de largura, que figura como uma das maiores pistas dos aeroportos brasileiros, o Aeroporto de Jaguaruna foi projetado para receber aeronaves de grande porte - como o Boeing 737 e o Airbus A320 - e visa atender 900 mil habitantes de 48 municípios das regiões metropolitanas de Tubarão, Araranguá e Criciúma. 




Foto: RDL Aeroportos
27 de Abril de 2015 - Dia do Voo Inaugural do Aeroporto Humberto Ghizzo Bortoluzzi.




 Jaguaruna oferece 10 lagoas para lazer e pesca, destacando-se a Lagoa do Arroio Corrente como mais frequência pelos turistas. A Lagoa do Arroio Corrente, situada a 9 km do núcleo central urbano, é interligada através de rodovia pavimentada (SC 442). A lagoa é manancial de abastecimento de água ao balneário de Arroio Corrente, e é utilizado para banhos, navegação e remo, sendo que em seu entorno encontram-se pastagens e dunas. Dispõe de um trailer para servir lanches rápidos. No transcorrer de seu desaguadouro é formado o chuveirão.

A Lagoa da Figuerinha, está situada a 11 km do núcleo central urbano, seu acesso se da através de estrada litorânea do balneário Corrente ao Balneário Nova Camboriú entre as dunas da praia e a pastagem sem qualquer sinalização. Esta sob domínio particular.
A Lagoa da Garopaba do Sul, está situada a 14 km do núcleo central seu acesso se da através de estrada na pavimentada, porém de ótima traficabilidade durante todo o ano. No local é explorada a pesca profissional. 
A Lagoa Preta, está situada a 30 km do núcleo central urbano, seu acesso se através de estrada não pavimentada e sem sinalização. Nas proximidades há locais para passeios e piqueniques.
A Lagoa Bonita, está situada a aproximadamente 15 km do núcleo central urbano, próximo ao balneário de Campo Bom.
A Lagoa de Gregório Bento, está situada entre a lagoa da figuerinha e a Lagoa Encantada, na comunidade do laranjal. Está situada a 13 km do núcleo central urbano.
A Lagoa Encantada está situada 15 km do núcleo central urbano, na comunidade do laranjal, anexo ao Balneário Dunas do Sul. Seu acesso se da em estrada não pavimentada e sem sinalização, e seu principal atrativo são as águas a limpas e a pesca amadora e a proximidade do Sambaqui Laranjal ainda intacto.
A Lagoa da Jaguaruna está situada a 4 km do núcleo centra urbano, próximo a BR -101. É utilizada na cultura do arroz irrigado e para a pesca da comunidade.
A Lagoa Delfino, está situada a 9 km do núcleo central entre as comunidades do Morro da Fumaça e Jabuticabeira. É utilizada na cultura de arroz de irrigado.
A Lagoa do Réu, está situada na comunidade de Arroio da Cruz, aproximadamente a 30 km do núcleo central urbano.


Lagoa do Arroio Corrente, situada no Balneário Arroio Corrente em Jaguaruna. 


 São 37,5 km de belas praias, com águas límpidas e cristalinas.




Hino de Jaguaruna: